Brasil

Após terremoto, risco de tsunami faz moradores evacuarem Fukushima

Após terremoto de 9,0

Diego Alves Publicado em 22/11/2016, às 01h14

None
images-cms-image-000524722.jpg

Após terremoto de 9,0

Moradores da região próxima à costa de Fukushima estão sendo convocados a sair de suas casas e irem para terrenos seguros após um terremoto de magnitude 7,3 atingir a área, pois existe risco de tsunamis. O epicentro do terremoto foi registrado no mar, aproximadamente a 67 quilômetros a nordeste de Iwaki, na costa de Fukushima, de acordo com o Centro Meteorológico Japonês.

O alerta emitido pelas autoridades japonesas informa que pequenos tsunamis locais podem ser gerados por maremotos com uma magnitude de 6,8 ou mais. Grandes tsunamis regionais e oceânicos são geralmente associados a maremotos de magnitude acima de 8.

O Centro Meteorológico Japonês informou que existe um risco de tsunami a qualquer momento. Segundo relatos da mídia japonesa, a central nuclear de Fukushima, localizada no leste do Japão, não foi afetada pelo terremoto.

Em 2011, após o terremoto com magnitude de 9,0 e uma onda gigante de 15 metros, a usina nuclear de Fukushima sofreu danos substanciais, causando a maior catástrofe nuclear após Chernobyl. A tragédia resultou em 20 mil mortos e desaparecidos.

Jornal Midiamax