Brasil

Tucanos reprovam cobertura da Globo às manifestações

A emissora concentrou o noticiário em seu canal da TV paga, e fez inserções discretas na TV aberta

Clayton Neves Publicado em 16/08/2015, às 21h13

None
alx_protesto-fora-dilma-rio-20150816-20150816-0010_original.jpeg

A emissora concentrou o noticiário em seu canal da TV paga, e fez inserções discretas na TV aberta

A cúpula do PSDB não gostou da cobertura que a Rede Globo fez das manifestações contra o governo nesse domingo (16). A emissora carioca concentrou o noticiário em seu canal da TV paga, a GloboNews, e fez inserções discretas sobre o assunto na programação dominical da TV aberta.

Em 15 de março, quando o Brasil assistiu às maiores passeatas de sua história, a Globo mostrou desde cedo gente nas ruas das principais capitais do país, o que, na avaliação dos tucanos, estimulou a adesão às marchas de protesto.

O jornal Folha de S.Paulo publicou neste domingo que o dono das Organizações Globo, João Roberto Marinho, circulou por Brasília na semana passada e se encontrou, entre outros líderes, com o vice-presidente Michel Temer e com o presidente do Senado, Renan Calheiros, que iniciou um movimento de reaproximação com o governo petista. 

Jornal Midiamax