Brasil

Desocupação de prédio do Flamengo invadido por sem-teto no Rio será terça-feira

O prédio de 17 andares foi ocupado na última terça-feira

Clayton Neves Publicado em 11/04/2015, às 20h40

None
acidente_viatura_giroflex_sirene_bombeiros_policia_militar.jpg

O prédio de 17 andares foi ocupado na última terça-feira

A reintegração de posse do Edifício Hilton Santos, no Flamengo, zona sul do Rio de Janeiro, está prevista para a próxima terça-feira (14), segundo informou hoje a Polícia Militar do Rio de Janeiro. O prédio de 17 andares, localizado entre o Morro da Viúva e o Aterro do Flamengo, foi ocupado na última terça-feira (7) por famílias sem-teto.

A reintegração foi determinada pela justiça no último dia 9, atendendo aos pedidos do Clube de Regatas do Flamengo, proprietário do imóvel, e do Grupo EBX, que arrendou o prédio em 2013. O arrendamento do prédio pelo grupo do empresário Eike Batista previa a construção de um hotel, que deveria ficar pronto neste ano. O Flamengo diz estar procurando a EBX para manifestar preocupação com o abandono do edifício, desde o segundo semestre do ano passado.

Uma das decisões judiciais que autorizaram a reintegração determina que a Polícia Militar, a Guarda Municipal, e as secretarias de Assistência Social e Direitos Humanos se responsabilizem por marcar uma data para a saída segura do prédio dos sem-teto.

Jornal Midiamax