Brasil

Carro de Eike Batista é flagrado estacionado em condomínio de juiz

O juiz se justifica dizendo que levou dois carros para serem guardados no seu prédio 

Clayton Neves Publicado em 24/02/2015, às 16h24

None
as_2260598205270461.jpg

O juiz se justifica dizendo que levou dois carros para serem guardados no seu prédio 

Em imagens exclusivas obtidas por ISTOÉ, o Porsche Cayenne branco, de placa DBB 0002, do empresário Eike Batista, aparece estacionado na porta e no interior do condomínio Rosas, na Barra da Tijuca – endereço do juiz Flávio Roberto de Souza, da 3ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro, responsável pelo caso. “O que um veículo de Eike Batista apreendido pela Polícia Federal, e que deveria estar sob sua guarda em depósito público, fazia nesta noite estacionado em um condomínio residencial na Barra da Tijuca?”, afirma Flávia Sampaio, mulher do empresário, no Instagram.

A família e o advogado de Batista afirmam que Souza está fazendo uso pessoal do automóvel que custa em torno de R$600 mil. O juiz se justifica dizendo que levou dois carros para serem guardados no seu prédio porque no pátio da Justiça Federal não havia vaga coberta para todos até o dia em que serão leiloados. Porém, uma das fotos obtidas porISTOÉ flagra o Porsche estacionado na calçada em frente ao prédio.

Jornal Midiamax