Le Blog Maria Antonia

Braceletes de Maria Antonieta e duquesa de Windsor irão a leilão

Maria Antonia Naegele Publicado em 30/09/2021, às 08h00

None
Foto: Reprodução

Como se fosse a turnê internacional de uma estrela, a casa Christie's expõe em Nova York dois braceletes que pertenceram à rainha da França, Maria Antonieta, e o presente do primeiro aniversário de casamento do duque à duquesa de Windsor, que serão leiloados em 9 de novembro em Genebra.

Nos dois casos são peças únicas carregadas de simbolismo e história, que fazem uma viagem por Nova York, Hong Kong, Pequim e Xangai antes de ser arrematados em Genebra para que os potenciais interessados possam admirar sua beleza e qualidade.

Os dois braceletes de diamantes da rainha, que morreu na guilhotina em 1793 em plena Revolução Francesa, estão guardados em seu estojo azul original com a mensagem em francês "bracelets de la reine Marie-Antoinette", que não deixam dúvidas da identidade de sua proprietária.

Nas mãos de um colecionador privado, cujo nome não foi revelado, as joias serão postas pela primeira vez à venda pública por um preço estimado entre 2 e 4 milhões de dólares.

Com um quilate, os menores nos extremos, e mais de 4 quilates, os maiores do centro, os 112 diamantes das duas peças somam entre 140 e 150 quilates.

Como na época não havia platina, que chegaria à joalheria na segunda metade do século XIX, os diamantes estão encrustados em prata e a parte de baixo, a que fica em contato com a pele e a roupa, tem uma fina camada de ouro para lhe dar mais durabilidade e evitar manchas.

Com três fileiras de diamantes, unidos entre si por finas correntes, os braceletes que podem se tornar uma gargantilha, são maleáveis, flexíveis e surpreendentemente leves.

Os braceletes foram encomendados ao joalheiro Charles Auguste Boehmer, em 1776, em Paris, pela própria Maria Antonieta, que tinha se tornado rainha da França dois anos antes. A monarca pagou 250.000 libras, o que na época era uma fortuna.

A outra estrela do leilão será o bracelete que o duque de Windsor, Eduardo VIII, deu de presente à sua esposa, Wallis Simpson, em seu primeiro aniversário de casamento, em 3 de junho de 1938.

O bracelete com dois rubis será leiloado por um preço de 1 a 2 milhões de dólares, descreve a Christie's.

A Cartier criou inicialmente como colar, mas que depois se tornou em bracelete e que será leiloado pela primeira vez desde 1987, quando a coleção das joias da duquesa de Windsor foi posta à venda.

Fotos : Reprodução

Jornal Midiamax