Le Blog Maria Antonia

Pela rigidez do uniforme, guardas presidenciais não usam máscaras.

Por causa da pandemia do novo coronavírus (covid-19), o uso do equipamento de proteção é obrigatório desde abril no Distrito Federal. Mas, os soldados do batalhão presidencial não estão usando máscaras durante a guarda na rampa do Palácio do Planalto. Durante o dia, dois militares do Batalhão da Guarda Presidencial ficam de prontidão na parte […]

Maria Antonia Naegele Publicado em 14/07/2020, às 19h45

None

Por causa da pandemia do novo coronavírus (covid-19), o uso do equipamento de proteção é obrigatório desde abril no Distrito Federal.
Mas, os soldados do batalhão presidencial não estão usando máscaras durante a guarda na rampa do Palácio do Planalto. Durante o dia, dois militares do Batalhão da Guarda Presidencial ficam de prontidão na parte superior da rampa para proteger a entrada do Planalto. De acordo com jovens que compõem o pelotão, há uma “ordem interna” para que, no período em que eles estão de guarda, dispensem o uso de máscaras em respeito ao rigor do uniforme.

Pela rigidez do uniforme, guardas presidenciais não usam máscaras.
Foto : Reprodução
Pela rigidez do uniforme, guardas presidenciais não usam máscaras.
Foto : Reprodução

Jornal Midiamax