Le Blog Maria Antonia

Neymar é expulso e denuncia racismo em derrota do PSG

Neste domingo 13, no Parque dos Príncipes, o camisa 10, Neymar, foi expulso e deixou o campo furioso, denunciando racismo por parte do zagueiro espanhol Álvaro González. Tudo começou aos 37min do primeiro tempo, quando Neymar foi até o quarto árbitro e acusou o rival de racismo repetindo “Racismo no!”, em espanhol. A arbitragem não […]

Maria Antonia Naegele Publicado em 14/09/2020, às 09h23

None

Neste domingo 13, no Parque dos Príncipes, o camisa 10, Neymar, foi expulso e deixou o campo furioso, denunciando racismo por parte do zagueiro espanhol Álvaro González. Tudo começou aos 37min do primeiro tempo, quando Neymar foi até o quarto árbitro e acusou o rival de racismo repetindo “Racismo no!”, em espanhol. A arbitragem não tomou nenhuma atitude.

No fim da partida, no entanto, ambos voltaram a discutir, e o brasileiro chamou Álvaro de racista novamente. Houve uma grande confusão depois da marcação de uma falta, e o craque do PSG foi expulso por dar um tapa na cabeça do rival. Ele deixou o campo indignado e disparou para o quarto árbitro: “olha o racista! Porque era um racista, por isso lhe peguei”.

Depois do jogo, Neymar desabafou no Twitter. “Único arrependimento que tenho é por não ter dado na cara desse babaca”, disparou. “VAR pegar a minha ‘agressão’ é mole… Agora eu quero ver pegar a imagem do racista me chamando de ‘Mono hijo de puta’ (macaco filho da p…) Isso eu quero ver! E aí? Carretilha você me pune… Cascudo sou expulso… E eles? E aí?”, acrescentou.

Álvar Gonzalez, por sua vez, postou uma foto ao lado de colegas de equipe negros e não deixou de provocar Neymar. Nas redes sociais, o zagueiro espanhol escreveu: “não há lugar para racismo. Carreira limpa e com muitos colegas e amigos no dia a dia. Às vezes você tem que aprender a perder e assumir isso em campo. Incríveis 3 pontos hoje”.

Esta polêmica, no entanto, foi apenas a gota d’água de um clássico extremamente violento. Ao todo, o árbitro Jérôme Brisard distribuiu 17 cartões amarelos e cinco vermelhos.

Neymar é expulso e denuncia racismo em derrota do PSG
Foto : Reprodução
Jornal Midiamax