Le Blog Maria Antonia

Hamilton protesta contra racismo e violência policial no GP da Toscana.

O piloto Lewis Hamilton usou os holofotes da sua vitória no Grande Premio da Toscana para falar sobre violência policial, usando uma camiseta cobrando a prisão dos policiais que mataram Breonna Taylor. Prestes a se tornar o maior vencedor da história da Fórmula 1, o piloto britânico subiu ao pódio vestindo uma camiseta que pede […]

Maria Antonia Naegele Publicado em 14/09/2020, às 09h26

None

O piloto Lewis Hamilton usou os holofotes da sua vitória no Grande Premio da Toscana para falar sobre violência policial, usando uma camiseta cobrando a prisão dos policiais que mataram Breonna Taylor.

Prestes a se tornar o maior vencedor da história da Fórmula 1, o piloto britânico subiu ao pódio vestindo uma camiseta que pede a prisão dos policiais que mataram Breonna Taylor, que foi alvejada cinco vezes por policiais dentro de sua própria casa no estado de Kentucky, Estados Unidos.

A tenista Naomi Osaka e o jogador de basquete Lebron James também já protestaram contra o assassinato de Taylor.

Na camiseta que o piloto vestia estava escrito: “prendam os policiais que mataram Breonna Taylor” na frente e, nas costas, “diga o nome dela”. Com a vitória de hoje, Hamilton atingiu a marca de 90 títulos adquiridos em Grandes Prêmios.

Hamilton protesta contra racismo e violência policial no GP da Toscana.
Foto : Reprodução / Instagram
Hamilton protesta contra racismo e violência policial no GP da Toscana.
Foto : Reprodução / Instagram
Hamilton protesta contra racismo e violência policial no GP da Toscana.
Foto : Reprodução/ Instagram
Jornal Midiamax