Política / Transparência

UFMS autoriza diretora do HRMS a assumir cargo no Ministério da Saúde

Rosana Leite de Melo está lotada no HRMS com salário de mais de R$ 24 mil

Evelin Cáceres e Renata Volpe Publicado em 15/06/2021, às 10h01

None
(Foto: Divulgação)

A diretora do HRMS (Hospital Regional de Mato Grosso do Sul) Rosana Leite de Melo recebeu autorização da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) para atuar no Ministério da Saúde. A autorização foi publicada no Diário Oficial da União desta terça-feira (15).

Rosana é servidora da Faculdade de Medicina cedida ao Governo do Estado. Pela UFMS, segundo dados do Portal da Transparência do Governo Federal, recebe R$ 2.725,02 de remuneração básica bruta.

Já como diretora do HRMS, recebeu R$ 19.915,40 de remuneração fixa, mais R$ 14.778,14 em remunerações eventuais em maio. Caso aceite o cargo no Ministério da Saúde, receberia com ônus para a Universidade.

A diretora do HR ainda não decidiu se aceitará o convite feito pela equipe do ministro Marcelo Queiroga para ser a Secretária da Secretaria de Enfrentamento à COVID-19.

De acordo com a publicação, Rosane receberia pelo código DAS-101.6 no cargo em Brasília, o que equivale a uma renda bruta de R$11.179,36, sem os adicionais.

Jornal Midiamax