Política / Transparência

Tribunal de Contas prevê gastar mais de R$ 39 mil com 2 cursos para servidores

Empenhos foram publicados pelo TCE-MS nesta sexta-feira e preveem treinamentos nas áreas de Administração Financeira e Orçamentária e Previdência

Humberto Marques Publicado em 14/05/2021, às 14h26

Sede do TCE-MS, no Parque dos Poderes, em Campo Grande
Sede do TCE-MS, no Parque dos Poderes, em Campo Grande - Aurélio Marques/TCE-MS/Arquivo

Duas notas de empenho publicadas nesta sexta-feira (14) no Diário Oficial do TCE-MS (Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso do Sul) confirmam o empenho de mais de R$ 39 mil para o pagamento de cursos à distância para servidores da Corte. Os valores sairão do FunTC (Fundo Especial de Desenvolvimento, Modernização e Aperfeiçoamento do TCE-MS).

O primeiro empenho, de R$ 14.240, foi destinado à Gestão Pública Ed. e Treinamento Soc. Ltda. EPP, visando ao pagamento do curso “Administração Financeira E Orçamentária (AFO)”, a ser ministrado pelo instrutor Paulo Henrique Feijó, na modalidade EAD (Ensino à Distância). O dispositivo foi assinado pelo presidente do tribunal, conselheiro Iran Coelho das Neves, e Karla Soares Lopes de Souza.

Já a segunda reserva de recursos, de R$ 25 mil, foi assinada com Inácio Magalhães Filho, que ministrará o curso “Atualização Pós Reforma da Previdência”, com transmissão pelo aplicativo Google Meet. O treinamento terá carga horária de 20 horas e é destinado aos servidores do TCE/MS com exclusividade.

Jornal Midiamax