Política / Transparência

Servidores da Fundesporte passam a trabalhar em turnos para evitar contaminação pela Covid-19

Os servidores da Fundesporte (Fundação de Desporto e Lazer) passam a trabalhar a partir desta segunda-feira (15) de forma escalonada. A medida é para conter o avanço da pandemia do novo coronavírus, em Mato Grosso do Sul. De acordo com a portaria publicada hoje, as Gerências Gerais que integram a estrutura organizacional da Fundesporte, resguardada […]

Renata Volpe Publicado em 15/03/2021, às 08h43

Reprodução
Reprodução - Reprodução

Os servidores da Fundesporte (Fundação de Desporto e Lazer) passam a trabalhar a partir desta segunda-feira (15) de forma escalonada. A medida é para conter o avanço da pandemia do novo coronavírus, em Mato Grosso do Sul.

De acordo com a portaria publicada hoje, as Gerências Gerais que integram a estrutura organizacional da Fundesporte, resguardada a manutenção dos serviços e atividades programadas, deverão organizar o expediente no órgão em dois turnos de revezamento: turno matutino: das 7h30 às 12h; turno vespertino: das 13h30 às 17h.

Assim, a designação de turnos de trabalho dos servidores deve evitar, ao máximo, o quantitativo de pessoas que permanecerão simultaneamente, no mesmo ambiente, reduzindo o fluxo e aglomeração, obedecendo o distanciamento e demais protocolos de biossegurança estabelecidos pelas autoridades sanitárias. 

Portanto, as horas de trabalho semanais necessárias para completar a carga horária serão cumpridas em regime excepcional de teletrabalho. 

Ainda segundo a portaria, com a adoção do processo de revezamento por turnos será implementado o regime excepcional de teletrabalho, para servidores cujas atribuições, por sua natureza e meios de desenvolvimento de atividades, permitam a realização do trabalho remoto, sem prejuízo dos serviços públicos. 

Jornal Midiamax