Política / Transparência

Municípios de MS vão receber R$ 19 milhões para assistência social em 2021

A Sedhast (Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho) vai repassar R$ 19 milhões aos 79 municípios de Mato Grosso do Sul para aplicação na área de assistência social. As resoluções que regulamentam a partilha foram publicadas na edição desta segunda-feira (21) do DOE (Diário Oficial Eletrônico). O chamado cofinanciamento estadual do […]

Adriel Mattos Publicado em 21/12/2020, às 11h49 - Atualizado às 11h50

Sede da Sedhast, em Campo Grande. (Saul Schramm, Subcom-MS)
Sede da Sedhast, em Campo Grande. (Saul Schramm, Subcom-MS) - Sede da Sedhast, em Campo Grande. (Saul Schramm, Subcom-MS)

A Sedhast (Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho) vai repassar R$ 19 milhões aos 79 municípios de Mato Grosso do Sul para aplicação na área de assistência social. As resoluções que regulamentam a partilha foram publicadas na edição desta segunda-feira (21) do DOE (Diário Oficial Eletrônico).

O chamado cofinanciamento estadual do SUAS (Sistema Único de Assistência Social) será por meio do Feas (Fundo Estadual da Assistência Social). Os recursos entram nos Fundos Municipais de Assistência Social para posterior financiamento de ações de instituições filantrópicas ou de unidades de acolhimento públicas.

Campo Grande receberá o maior montante, de R$ 4,4 milhões. Dourados contará com R$ 1,1 milhão. Já Três Lagoas terá R$ 663,9 mil.

Corumbá vai receber R$ 785,3 mil e o repasse de Ponta Porã será da ordem de R$ 816,4 mil. Esses valores podem ser acrescidos de adicionais, além de incentivos. A lista completa pode ser consultada no DOE (clique aqui para acessar, a partir da página 113).

Jornal Midiamax