Política / Transparência

Agesul paralisa obras de pavimentação, recapeamento e drenagem no Aero Rancho

A Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos de Mato Grosso do Sul) paralisou as obras de pavimentação, recapeamento e drenagem no Complexo Aero Rancho – Parte 1, em Campo Grande. O extrato do termo foi publicado na edição desta segunda-feira (7) do DOE (Diário Oficial Eletrônico). O serviço está orçado em R$ 4 milhões […]

Adriel Mattos Publicado em 07/12/2020, às 10h28 - Atualizado às 10h31

Imagem ilustrativa | Foto: Divulgação, Seinfra
Imagem ilustrativa | Foto: Divulgação, Seinfra - Imagem ilustrativa | Foto: Divulgação, Seinfra

A Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos de Mato Grosso do Sul) paralisou as obras de pavimentação, recapeamento e drenagem no Complexo Aero Rancho – Parte 1, em Campo Grande. O extrato do termo foi publicado na edição desta segunda-feira (7) do DOE (Diário Oficial Eletrônico).

O serviço está orçado em R$ 4 milhões e está sendo executado pela empresa BTG Empreendimentos, Locações e Serviços. A paralisação conta a partir do dia 1º e vale por 90 dias (cerca de três meses).

Em nota ao Jornal Midiamax, a Subcom (Subsecretaria de Comunicação) informou que as obras precisaram ser interrompidas em razão da Águas Guariroba, concessionária que opera o serviço de fornecimento de água e de coleta e tratamento de esgoto, ampliar a rede de esgoto na região.

A medida visa evitar que a Águas não precise cortar o asfalto. Os trabalhos de drenagem já foram concluídos. A fase de pavimentação começa após a concessionária concluir os trabalhos.

Jornal Midiamax