Política / Transparência

Governo pagará R$ 43,5 milhões para recuperar asfalto da MS-338

Obras devem ser finalizadas em 360 dias

Evelin Cáceres Publicado em 05/07/2017, às 12h29

None

Obras devem ser finalizadas em 360 dias

A empreiteira Paviservice Serviços de Pavimentação Ltda receberá R$ 43.568.924,77 para restaurar a MS-338, segundo publicação do diário oficial do estado desta quarta-feira (05).

O serviço será realizado em 60 quilômetros da rodovia estadual, no trecho entre Santa Rita do Pardo, entroncamento com MS-395. O resultado foi homologado no último dia 12 de junho e o contrato publicado nesta edição do diário.

O governo publicou em janeiro as licitações das obras das rodovias MS-338, MS-156, no trecho entre Amambai e Caarapó, um dos locais mais prejudicados pela chuva de dezembro, com extensão de 78,50 quilômetros e também das rodovias MS-395, no trecho entre Bataguassu e Brasilândia, MS-470 e MS-379.

O prazo para execução da obra será de 360 dias consecutivos, contados da data de recebimento da ordem de início dos serviços, a ser expedida pela Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos). Assinam pelo contrato Emerson Antonio Marques Pereira e Ronald Velame de Azevedo.

A Agesul também aditivou R$ 1.680.374,08 ao contrato 0029/2015/AGESUL, com a Pactual Construções, para manutenção da Malha Rodoviária da 14º Residência Regional de Costa Rica e R$ 120 mil ao contrato 0142/2016/AGESUL, com a empresa Sanches & Aquino Construtora para pavimentação asfáltica e drenagem de águas pluviais no Jardim Primavera, no Município de Água Clara.

Jornal Midiamax