Política / Transparência

Decreto do Governo de MS suplementa R$ 161 milhões para autarquias

PGE recebeu maior parte dos suplementos

Joaquim Padilha Publicado em 25/01/2017, às 10h27

None
pge-ms.jpg

PGE recebeu maior parte dos suplementos

A governadora em exercício, Rose Modesto (PSDB), decretou nesta quarta-feira (25) a suplementação de R$ 161,2 milhões de recursos para as Secretarias e pastas do governo do Estado.

Boa parte dos recursos foram suplementados à PGE (Procuradoria Geral do Estado), que recebeu R$ 100,6 milhões, oriundos do cancelamento de anulação de dotações.

Também recebeu um montante considerável o FESA (Fundo Estpecial de Saúde), que teve R$ 33,9 milhões suplementados ao seu orçamento. Mais R$ 10,1 milhões foram suplementados à SED (Secretaria de Estado de Educação).

Outros R$ 13,3 milhões foram suplementados à Agepen (Agência Estadual de administração do Sistema Penitenciário), à Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública) e ao Tribunal de Justiça de MS.

Ainda foram retirados R$ 5,7 milhões da reserva de contingência do governo do Estado, utilizada como uma "poupança" extra para suplementação de áreas quando necessário.

O decreto completo com o detalhamento das suplementações e cancelamentos de cada pasta foi publicado no Diário Oficial do Estado desta quarta-feira.

(sob supervisão de Ludyney Moura)

Jornal Midiamax