Política / Transparência

Mesmo após recomendação do MPE, prefeito mantém esposa no Executivo

Ele tem até o dia 04 para assinar a demissão

Jessica Benitez Publicado em 28/09/2015, às 18h55

None
duarte.jpg

Ele tem até o dia 04 para assinar a demissão

Após receber recomendação do MPE (Ministério Público do Estado) para exonerar a esposa por caracterizar nepotismo, o prefeito de Corumbá Paulo Duarte (PT), ainda não acatou o pedido. No Diário Oficial da cidade desta segunda-feira (28), Maria Clara Mascarenhas Scardini continua ocupando o cargo de diretora-presidente da Fuphan (Fundação de Desenvolvimento Urbano e Patrimônio Histórico). A solicitação foi feita por meio do promotor de Justiça, Luciano Bordignon Conte, no último dia 24. Duarte tem 10 dias para cumprir a exoneração.

Em nota o petista considerou o posicionamento do MPE como “alarde” e assegurou que a esposa tem capacitação profissional e competência para estar na função. Ele, ainda, avaliou que o fato só ocorre por ser ano pré-eleitoral. No portal da transparência da prefeitura de Corumbá o link que explica sobre as receitas e despesas do Executivo e, portanto, os salários do secretariado, está fora do ar.

“Independentemente do alarde e da celeuma que fatos dessa natureza provocam, especialmente em períodos vizinhos de disputas eleitorais, alguns esclarecimentos sobre a dita ‘recomendação’ devem ser feitos, em respeito ao ordeiro e politizado povo corumbaense, de quem emana a legitimidade do governo municipal”, diz o texto.

A primeira-dama reforçou as palavras do marido por meio do Facebook. “Se tem uma coisa que me deixa tranquila é o trabalho faço e o amor que sinto por Corumbá. Irei continuar trabalhando pelo bem da cidade que escolhi para viver e criar meu filho. Apenas lamento a forma oportunista e covarde que alguns exploram um assunto que está somente na fase de pedido de informações”.

“O cargo que exerço de Diretora Presidente da Fundação de Desenvolvimento Urbano e Patrimônio Histórico tem respaldo legal e moral. Ocupo uma função eminentemente técnica, sou arquiteta e urbanista. Não entendo muito de política, mas com certeza a exploração exagerada desse assunto já é o início antecipado da disputa do ano que vem. Venham, estamos preparados”, finalizou o texto publicado na rede social.

Jornal Midiamax