Política / Transparência

Governo do Estado estende contrato com 19 agências de publicidade

Contratos devem valer até 24 de abril de 2015, segundo publicado no Diário Oficial do Estado

Midiamax Publicado em 14/02/2015, às 12h21

None
governadoria.jpg

Contratos devem valer até 24 de abril de 2015, segundo publicado no Diário Oficial do Estado

O governo do Estado aditou o contrato com 19 agências de publicidade, responsáveis por gerenciar recursos gastos mensalmente em comunicação e propaganda oficial. O aditamento foi feito, enquanto a licitação para contratação de empresas de comunicação não é concluída, afirma o governo estadual.

Os extratos dos 19 aditamentos foram publicados no Diário Oficial do Estado, de quarta-feira (11). Todos os contratos foram estendidos de 26 de janeiro de 2015, quando teoricamente se encerraria a vigência, até 24 de abril do mesmo ano. O aditamento de contrato significa que o governo acrescentou informações, no caso prorrogação de prazo, nos convênios.

Nos extratos de aditamento, publicados na quarta, não consta o quanto custará a mais aos cofres públicos a medida, nem informações referentes ao processo de licitação. Está registrado apenas o prazo de extensão, assinado pelo secretário da Casa Civil, Sérgio de Paula e os responsáveis por cada empresa.

Na gestão anterior, os gastos com publicidade sempre se mantiveram em patamares elevados. Só no último trimestre de 2014, foram gastos mais de R$ 10 milhões destinados à “implementação de ações de comunicação do governo”.

Os dados estão disponíveis no Portal da Transparência do governo de Mato Grosso do Sul, no entanto, não há detalhamento de como a verba é utilizada, somente os valores investidos e o nome da agência que gerencia cada repasse.

Aditamento de contrato era prática constante na gestão do ex-governador André Puccinelli (PMDB). O argumento era de que contratos com prazos de validades menores e aditamentos constantes facilitaria a transparência, ajudando a combater fraudes, por exemplo, com a verificação da situação das empresas a cada prorrogação.

As empresas que tiveram os contratos aditados, conforme publicado, são: MV Comunicação e Planejamento, PRS Publicidade e Promoções, Slogan Publicidade, Central Midia Marketing e Produções, Comunicação Marketing, Publicidade e Propaganda, B & W Tres Propaganda, Compet Marketing e Comunicação, Ramal Propaganda, Diniz Acao e Marketing, Trilha Comunicação, Midianova Estrategia em Comunicação, Remat Marketing e Propaganda, Art Traco Publicidade e Assessoria, Quorum Propaganda, Think Service e Design, Guia Comunicação, Resultado Comunicação e Marketing, Futura Comunicação e Marketing e Bartz Comunicação Integrada.

Jornal Midiamax