Política / Justiça

Polícia resgata ouriço-cacheiro após 7 horas em muro do prédio da Justiça Federal

Conforme a PMA, o animal, que possui hábitos noturnos, costuma sair a procura de comida pelo Parque dos Poderes

Arquivo Publicado em 31/08/2012, às 15h09

None
489985172.jpg

Conforme a PMA, o animal, que possui hábitos noturnos, costuma sair a procura de comida pelo Parque dos Poderes

O animal encontrado na manhã desta sexta-feira, no prédio da Justiça Federal, no Parque dos Poderes em Campo Grande, conforme a Polícia Militar Ambiental, era um ouriço-cacheiro (Coendou prehensilis). Os policiais resgataram o animal por volta das 10h30 e o encaminharam ao Centro de Reabilitação de Animais Silvestres-CRAS.

Segundo o segurança do local, o animal subiu no muro por volta da três horas da madrugada e a cerca elétrica foi desligada para que não sofresse choque.

De acordo com a PMA, o ouriço-cacheiro é inofensivo e, quando ameaçado, eriça os espinhos e aguarda. O espinho penetra lentamente no corpo da vítima, aprofundando sozinho depois de inoculado.

Um funcionário da Justiça Federal, que preferiu não se identificar, lamentou a demora no resgate do ouriço-cacheiro. “Tem que dar prioridade a esse tipo de situação. A PMA deveria contar com uma equipe de plantão para atender a esses casos.”, desabafou o funcionário público. Na manhã de hoje, agentes da PMA participaram de um desfile no Parque dos Poderes.

Recentemente, Mato Grosso do Sul registrou quatro casos de cães feridos pela espécie.

Jornal Midiamax