Política / Bastidores

[ BASTIDORES ] Desculpas?

Da Redação Publicado em 29/06/2021, às 06h30

None

Desculpas?

O deputado federal Loester Trutis (PSL) gravou um vídeo pedindo "desculpas" pela retirada de um vídeo em que aparece comparando o PT a fezes de cachorro. Segundo ele, o material foi derrubado pela esquerda.

Sorteio

Agora, ele decidiu sortear as polêmicas camisetas entre seus seguidores. No vídeo, Trutis fala em combate ao comunismo no Brasil, mesmo que a teoria jamais tenha virado prática no Brasil.

Comparações

O deputado estadual Capitão Contar (PSL) comparou medicamentos ineficazes e vacinas contra a Covid-19 com o presidente Jair Bolsonaro em mais uma publicação nas redes sociais para defendê-lo. Bolsonaro está no centro do escândalo da Covaxin, revelado na CPI da Pandemia.

Vacina

Contra "esquerdopatia aguda", Contar indicou a "Bolsovac", com a primeira dose aplicada em 2018, em referência à eleição do presidente, e a segunda em 2022, quando Bolsonaro deve concorrer à reeleição. Ele ainda busca um partido para a campanha do próximo ano.

Kit

Além disso, o deputado indicou "Jairmectina", "Azitromessias" e "Hidroxicloromito", em referência à ivermectina, azitromicina e hidroxicloroquina, medicamentos comprovadamente sem eficácia contra a Covid-19. Por fim, ele voltou à carga e criticou a TV Globo, pedindo aos seguidores que não a assistam.

Erros no palácio

Apesar da publicação em Diário Oficial, o deputado estadual Lídio Lopes (Patriota) não retirou o projeto de lei que cria o Dia do Delegado de Polícia. Um problema no sistema o forçou a reapresentar a matéria.

Pane no sistema

A Assembleia Legislativa vem enfrentando há semanas problemas em sistemas internos. Há duas semanas, o Diário Oficial chegou a ficar dois dias sem ser publicado.

Fila

O deputado estadual Neno Razuk (PTB) pediu à SES (Secretaria de Estado de Saúde) pediu a inclusão de instrutores de trânsito no grupo prioritário para vacinação contra a Covid-19. A própria categoria pediu apoio do parlamentar.

Não posso

Por outro lado, o titular da SES, Geraldo Resende, já negou a inclusão de outras categorias, alegando que não tem autorização do Ministério da Saúde.

Cadê ela?

Resende lamentou a ausência da secretária-adjunta Crhistinne Maymone na live do Governo do Estado que atualiza os dados sobre a pandemia. O secretário disse que Crhistinne está afastada por recomendação médica, sem detalhar seu estado de saúde.

Jornal Midiamax