Política / Bastidores

BASTIDORES: após repreensão, envio de imagens ‘comprometedoras’ causa constrangimento

Conselhos Secretário de Mato Grosso do Sul que teve foto íntima vazada em grupo de jornalistas no feriado de Corpus Christi é adepto do ‘faça o que eu digo, mas não o que eu faço’. O servidor comissionado deu ‘puxão de orelha’ em subordinado, à época recém-empossado, quando situação semelhante, para não dizer igual, aconteceu […]

Éser Cáceres Publicado em 06/06/2018, às 06h00 - Atualizado às 12h35

None

Conselhos

Secretário de Mato Grosso do Sul que teve foto íntima vazada em grupo de jornalistas no feriado de Corpus Christi é adepto do ‘faça o que eu digo, mas não o que eu faço’. O servidor comissionado deu ‘puxão de orelha’ em subordinado, à época recém-empossado, quando situação semelhante, para não dizer igual, aconteceu com o colega. O envio de imagens ‘privadas’ já causou constrangimentos a outros integrantes gestão tucana.

Constrangimento

A postura ‘descuidada’ do dito cujo também causou constrangimento em agenda pública a um colega de primeiro escalão. “Eu não cheguei as ver as fotos, mas é algo que constrange, né?”, comentou ao ser perguntado por um aliado próximo ao poder.

Proximidade

Avisado por um assessor da presença da imprensa, em peso no local, o colega preferiu desconversar e falar da redução de alíquota.

Partidário

Por falar em alíquota menor, teve emedebista que fez questão de não comparecer à reunião com o governador sobre a apresentação do projeto de redução da alíquota do diesel. A ‘desculpa’ oficial era uma  entrevista a uma rádio. Mais tarde, confidenciou que não servia a dois senhores, em alusão ao seu pré-candidato ao governo, adversário dos tucanos.

Receio

Falando em pré-candidato, o governador Reinaldo Azambuja revelou receio que empresários do ramo de combustíveis não repassem aos motoristas o desconto concedido pelo Estado no ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) do óleo diesel. Durante entrega do projeto de lei que garante a redução do tributo, o tucano reafirmou que comissão deve fiscalizar o repasse do desconto para garantir que não haja ‘desvio no meio do percurso’.

‘Esclarecedor’

Ao tirar sarro de colega que foi prolixo em uma votação que já se arrastava a horas, deputado não poupou a ironia na tribuna: “Após a fala do nobre deputado, fiquei totalmente esclarecido”, arrancando risos dos parlamentares presentes.

Experiência

Apesar de alegar ter apresentado mais de 250 projetos ao longo da vida legislativa, o deputado Maurício Picarelli (PSDB)  demonstrou irritação ao ter um vetado pelo governo. Apesar de ter conseguido derrubá-lo na Assembleia, o parlamentar quer a presenta dos autores do projeto na Comissão de Constituição, Justiça e Redação para explicações, antes do veto das propostas.

Carão

“Somos legisladores, estudamos antes de apresentar. E eu não aguento mais passar carão com projeto arquivado”, argumentou.

Vazador

Continua caça às bruxas de órgão onde vazamentos ainda tiram o sono de muita gente. E episódio recente, dizem, teria exposto que ‘vazador’ seria realmente o principal suspeito. Documento ao qual foi um dos poucos a ter acesso caiu nas mãos da galera em questão de horas, deixando indícios fortíssimos. Ex-amigo do peito de chefão, e com grande potencial encrenqueiro, o homem agora volta a ser alvo de cuidados extras.

Jornal Midiamax