Política

Vereador de cidade do MS propõe desconto nos salários em caso de lockdown

Um projeto protocolado nesta segunda-feira (22) na Câmara de Vereadores de Dourados quer reduzir os salários dos parlamentares e também dos secretários, diretores de fundações e autarquias, procurador-geral do município e também do prefeito e do vice em caso de um eventual decreto de lockdown na cidade. A proposta que está em tramitação na CCJ […]

Marcos Morandi Publicado em 23/03/2021, às 08h18 - Atualizado às 09h17

Proposta de redução salaria tramita na Câmara de Dourados. (Foto: Valdenir Rodrigues)
Proposta de redução salaria tramita na Câmara de Dourados. (Foto: Valdenir Rodrigues) - Proposta de redução salaria tramita na Câmara de Dourados. (Foto: Valdenir Rodrigues)

Um projeto protocolado nesta segunda-feira (22) na Câmara de Vereadores de Dourados quer reduzir os salários dos parlamentares e também dos secretários, diretores de fundações e autarquias, procurador-geral do município e também do prefeito e do vice em caso de um eventual decreto de lockdown na cidade.

A proposta que está em tramitação na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça)foi apresentada pelo vereador Fábio Luiz (Republicano) e prevê o desconto de forma proporcional aos dias de lockdown e onde um dia de isolamento integral equivale a um dia de trabalho. “Os descontos estarão limitados até 50% do subsídio mensal”, diz um dos parágrafos da medida.

O projeto de Fábio também estabelece que os valores descontados devem ser repassados ao Fundo Municipal de Saúde de Dourados, e usados, obrigatoriamente em ações da  Sems (Secretaria Municipal de Saúde).

“A referida medida de caráter temporário e excepcional tem como escopo a redução de custos da administração e também a demonstração através dos exemplo dos agentes políticos de que o Poder Público Municipal não está incólume às dificuldades enfrentadas pelos muníupes de Dourados”, justifica o parlamentar.

Jornal Midiamax