Política

PT tem 23 pré-candidatos às prefeituras em MS na primeira eleição ‘pós-Bolsonaro’

Com as eleições se aproximando (em outubro), os partidos já vão definindo as pré-candidaturas e o PT já tem nomes de 23 candidatos a prefeitos no interior de Mato Grosso do Sul e em Campo Grande. De acordo com o presidente estadual do partido, Vladimir Ferreira, nomes de pré-candidatos já foram definidos em Dourados, Corumbá, […]

Renata Volpe Publicado em 15/06/2020, às 13h30 - Atualizado em 16/06/2020, às 07h45

Humberto Amaducci disputou o governo em 2018 e agora é pré-candidato a prefeitura de Mundo Novo. (Arquivo, Midiamax)
Humberto Amaducci disputou o governo em 2018 e agora é pré-candidato a prefeitura de Mundo Novo. (Arquivo, Midiamax) - Humberto Amaducci disputou o governo em 2018 e agora é pré-candidato a prefeitura de Mundo Novo. (Arquivo, Midiamax)

Com as eleições se aproximando (em outubro), os partidos já vão definindo as pré-candidaturas e o PT já tem nomes de 23 candidatos a prefeitos no interior de Mato Grosso do Sul e em Campo Grande.

De acordo com o presidente estadual do partido, Vladimir Ferreira, nomes de pré-candidatos já foram definidos em Dourados, Corumbá, Três Lagoas, Coxim e Mundo Novo. “Também temos candidatos nas cidades pequenas do Estado”. Na Capital, o deputado estadual Pedro Kemp é pré-candidato a prefeito.

Por exemplo, em Coxim, Vladimir é presidente da Câmara Municipal e vai disputar a prefeitura. “Mundo Novo temos o ex-candidato ao governo, Humberto Amaducci. Em Três Lagoas, a Luciene, que foi vice de Amaducci. Dourados é o professor João Carlos e Corumbá a professora Lígia”.

De vereadores, o partido tem até agora 700 pré-candidatos, a maioria em Campo Grande. “Na Capital são 44 pré- candidaturas e o restante no Estado. A convenção é até agosto, mas sem data definida”.

Jornal Midiamax