Política

Com lideranças nacionais, PT confirma Pedro Kemp como candidato em Campo Grande

O PT confirma o deputado estadual Pedro Kemp como candidato a prefeito de Campo Grande, e Eloísa Berro, no lugar de candidata a vice-prefeita. A convenção do partido foi feita neste domingo (13), de forma online, e com participação de Gleisi Hoffman e da deputada federal Maria do Rosário (PT/RS), entre outras lideranças de Mato […]

Mayara Bueno Publicado em 13/09/2020, às 11h14 - Atualizado em 14/09/2020, às 09h20

O PT confirma o deputado estadual Pedro Kemp, como candidato a prefeito de Campo Grande. (Foto Reprodução Live)
O PT confirma o deputado estadual Pedro Kemp, como candidato a prefeito de Campo Grande. (Foto Reprodução Live) - O PT confirma o deputado estadual Pedro Kemp, como candidato a prefeito de Campo Grande. (Foto Reprodução Live)

O PT confirma o deputado estadual Pedro Kemp como candidato a prefeito de Campo Grande, e Eloísa Berro, no lugar de candidata a vice-prefeita. A convenção do partido foi feita neste domingo (13), de forma online, e com participação de Gleisi Hoffman e da deputada federal Maria do Rosário (PT/RS), entre outras lideranças de Mato Grosso do Sul.

Com lideranças nacionais, PT confirma Pedro Kemp como candidato em Campo Grande
Eloísa Berro, candidata a vice-prefeita de Campo Grande, pelo PT. (Foto: Marcos Ermínio/Reprodução Live).

Primeira a falar, entre os integrantes da chapa, a candidata a vice afirmou que a campanha será “bonita, alegre, com propostas viáveis e possíveis”. Eloísa foi secretária de Assistência Social, sua área de formação, no governo de Zeca do PT.

“Temos orgulho da trajetória do Pedro Kemp, um companheiro de jornada. As pessoas precisam ser ouvidas. Neste sentido, propomos uma cidade mais justa e mais humana”.

” Vamos honrar nossa história em Campo Grande”, começou o agora candidato do PT ao Paço Municipal, Pedro Kemp. Sem aliança anunciada, p PT concorre com chapa pura.

Ele afirmou que a chapa de vereadores nunca esteve “tão linda e representativa”, com professores, médicos, arquitetos, autônomos, estudantes, brancos e negros. “Todos com muita garra e disposição para levar nossas propostas aos quatro cantos da nossa Morena”.

Criticou o governo federal, ao comentar as mortes causadas pelo coronavírus, além da atual administração de Campo Grande. Afirmou que quer ser prefeito, citando, sobretudo, problemas relacionados a saúde na cidade.

Deputada federal e presidente nacional do PT, Gleisi Hoffman disse que os candidatos têm mostrar de aos campo-grandenses o legado do partido. “O governo que fizemos foi tão importante. Temos de mostrar como fortalecemos a saúde e o Bolsa Família”, citou.

Zeca do PT, ex-governador de MS, afirmou que o partido não poderia fazer chapa melhor. Kemp, experiente e com mandato combativo, e Eloísa, com sensibilidade e solidariedade na defesa das mulheres, citou. O PT lançará 43 candidatos à Câmara Municipal de Campo Grande, dos quais, 21 mulheres e 22 homens.

Jornal Midiamax