Política

Puccinelli e Marun levaram prefeitos de MS a encontro com Temer, diz deputado

Câmara afirma que Puccinelli "conversa com todos"

Joaquim Padilha Publicado em 07/06/2018, às 11h11 - Atualizado às 13h42

None

O deputado Renato Câmara (MDB) parabenizou o ex-governador André Puccinelli (MDB) por ter levado 25 prefeitos de Mato Grosso do Sul para Brasília, durante sessão na Assembleia Legislativa nesta quinta-feira (7).

Câmara, que participou da agenda de pré-campanha, afirmou que o encontro foi “maior do que a expectativa”. Além de visitas a ministros, os prefeitos tiveram uma oportunidade de se reunir com o presidente Michel Temer (MDB), segundo o deputado.

“Muitos prefeitos aproveitaram a oportunidade pra se encontrar com diversos ministros, e entender porque obras e demandas em seus municípios não foram aprovadas”, relatou Câmara.

“Foi muito proveitosa essa iniciativa do Puccinelli e do Carlos Marun de reunir os prefeitos para conversarem com o presidente da República”, afirmou o parlamentar. “Era uma carência que os prefeitos tinham pra resolver”.

Durante a adenga, a comitiva dos prefeitos se encontrou com o superintendente da Sudeco, Marcos Derzi, e o presidente da Funasa (Fundação Nacional de Saúde), além de Marun, secretário de Governo do presidente Temer.

Alianças partidárias

Questionado sobre como andavam as negociações de alianças do MDB durante estas eleições, Câmara negou que as tratativas estejam concentradas nas mãos de Puccinelli, e afirmou que o presidente regional do partido “conversa com todos”.

“Puccinelli tem conversado com todos os partidos, sem distinção, agora não é o momento de fechar as portas”, afirmou o deputado. Segundo ele, entretanto, decisões concretas só devem ser tomadas em convenção estadual.

Ainda falando sobre alianças, Câmara disse que o MDB procura por uma pessoa que tenha “prestígio particular” para o pleito de vice ao lado de Puccinelli. “Não precisa ser prestígio de um partido, ou de uma sigla, mas que tenha prestígio particular”, disse.

Jornal Midiamax