Política

Greve entra na pauta e Rocha pede diminuição do número de cadeiras na ALMS

  A greve dos caminhoneiros foi assunto na Assembleia Legislativa, durante a sessão desta terça-feira (29), e alguns parlamentares sugeriram, inclusive, diminuir o número de cadeiras no legislativo, com a intenção de conter gastos do Estado. “O presidente (Michel) Temer não tem que diminuir só a carga tributária, mas o tamanho do Estado brasileiro”, pediu […]

Ludyney Moura Publicado em 29/05/2018, às 11h08 - Atualizado às 11h46

Foto: Divulgação/Luciana Nassar/ALMS
Foto: Divulgação/Luciana Nassar/ALMS - Foto: Divulgação/Luciana Nassar/ALMS

A greve dos caminhoneiros foi assunto na Assembleia Legislativa, durante a sessão desta terça-feira (29), e alguns parlamentares sugeriram, inclusive, diminuir o número de cadeiras no legislativo, com a intenção de conter gastos do Estado.

“O presidente (Michel) Temer não tem que diminuir só a carga tributária, mas o tamanho do Estado brasileiro”, pediu o líder do MDB na Casa, deputado Eduardo Rocha.

O emedebista chegou a pedir diminuição no número de vereadores, deputados estaduais, deputados federais e senadores, na tentativa de conter gastos do Estado, na tentativa de reduzir preço dos combustíveis.

“Não adiantar baixar o combustível por R$ 0,46 por 60 dias, tem que ser o ano inteiro”, afirmou Rocha. Para ele, a crise atual é fruto de ‘cinco ou seis anos’, que não será resolvida na gestão Temer, todavia o presidente tem condições de fazer alguns ‘ajustes’.

O deputado Paulo Siufi, também do MDB, destacou que a greve acarretou diversos problemas em todo país, e salientou que o Brasil não pode ficar refém apenas do transporte rodoviária para escoamento da produção.

Prejuízos

Lídio Lopes (PEN) revelou que no município de Iguatemi, na região do Conesul, alguns produtores de leite, com produção de até 100 mil litros por dia, estão sendo obrigados a jogar fora milhares de litros. “Um prejuízo de mais de R$ 100 mil”, destacou.

Já o petista Cabo Almi aproveitou a discussão para cobrar do governo estadual a diminuição da tarifa ICMS do óleo diesel de 17% para 12%.

Jornal Midiamax