Política

VÍDEO: servidores quebram vidro, ocupam Assembleia e PM revida com bombas

servidor se joga e quebra vidro da entrada da Assembleia

Ludyney Moura Publicado em 28/11/2017, às 12h12 - Atualizado em 06/09/2018, às 11h52

None

O protesto de servidores impedidos de entrar na Assembleia Legislativa, que vota nesta terça-feira (28) a reforma da previdência estadual, terminou em tumulto. Um grupo quebrou o vidro da entrada e Polícia Militar revidou.

Enquanto os servidores invadiam a Assembleia, a Cavalaria da PM e a agentes do Batalhão de Choque tentaram impedir a entrada na Casa. Bombas de efeito foram utilizadas para conter a manifestação.

Os funcionários da Casa se trancaram nas salas da Assembleia, e boa parte dos servidores que eram impedidos de entrar conseguiram acesso às dependências.

Todavia, a entrada aconteceu por poucos minutos, já que os agentes da Polícia Militar dispararam bombas contra os servidores e posicionaram os cavalos na entrada principal da Casa.

Outro grupo de policiais do Batalhão de Choque fecharam a entrada de trás da Assembleia, por onde entram os deputados.

Houve muito tumulto, correria, e alguns servidores passaram mal com as bombas, pessoas se feriram durante a confusão.

Jornal Midiamax