Política

Servidores municipais podem ter contas transferidas do HSBC para a Caixa

Olarte destaca facilidade de financiamentos com mudança

Evelin Cáceres Publicado em 07/08/2015, às 13h18

None
hsbc.jpg

Olarte destaca facilidade de financiamentos com mudança

Após a venda do HSBC para o Bradesco, a Prefeitura de Campo Grande pode mudar as contas dos servidores para a Caixa Econômica Federal, segundo informou Gilmar Olarte nesta sexta-feira (7).

De acordo com o contrato com a administração municipal, se vendido, o banco não poderia cobrar multa por rescisão contratual. “Estamos estudando a possibilidade de fechar contrato com a Caixa, São algumas dezenas de milhões para fazer a gestão dos pagamentos dos servidores”.

Além do dinheiro que entraria para a Prefeitura, os servidores teriam facilidade para financiamento de carros, casas, taxas mais baratas e empréstimo consignado com proposta diferenciada. A proposta é estudada pela Prefeitura e não foi dada nenhuma previsão sobre possível mudança. 

O dinheiro do contrato, segundo Olarte, seria destinado para equilibrar a “Fonte 01” da Prefeitura, que é a de custeio. 

Jornal Midiamax