Política

Petistas de MS reclamam do PT nacional e declaram apoio a Delcídio

Os diretórios informaram que se sentem “desamparados"

Diego Alves Publicado em 26/11/2015, às 01h08

None
205548_ext_arquivo.jpg

Os diretórios informaram que se sentem “desamparados"

Os diretórios municipal de Campo Grande e regional de Mato Grosso do Sul do PT, emitiram uma nota por causa do posicionamento do presidente nacional do partido dos trabalhadores. Também em nota, Rui Falcão disse estar “perplexo com os fatos” e que o “PT não se julga obrigado a qualquer gesto de solidariedade”.

Os diretórios informaram que se sentem “absolutamente desamparados politicamente”,  e que “manifestam a solidariedade ao companheiro senador Delcídio do Amaral”.

Leia a nota.

Os diretórios Municipal de Campo Grande e Regional de Mato Grosso do Sul, em nome do conjunto do Partido dos Trabalhadores do Estado, vem declarar sentir-se absolutamente desamparados politicamente, ao serem surpreendidos por uma nota de vossa senhoria negando solidariedade ao companheiro senador Delcídio do Amaral.

O momento é grave. Estamos em meio a uma grave crise de criminalização do PT e cumprimento de medidas judiciais seletivas. Precisamos neste momento de lucidez política e respeito a trajetória percorrida até aqui.

Nós manifestamos nossa solidariedade ao companheiro Delcídio do Amaral.

Atenciosamente,

Campo Grande (MS), 25 de novembro de 2015.

Maria Rosana Gama

Presidente do Diretório Municipal de Campo Grande

Antônio Carlos Biffi

Presidente do Diretório Regional de Mato Grosso do Sul

Jornal Midiamax