Política

Olarte diz que tem dinheiro em caixa e asfalto chega ao Nova Lima neste ano

Moradores receberão R$ 74 quilômetros de asfalto

Midiamax Publicado em 03/07/2015, às 14h37

None
img-20150703-wa0044.jpg

Moradores receberão R$ 74 quilômetros de asfalto

O prefeito de Campo Grande, Gilmar Olarte (PP), garantiu que os moradores do Bairro Nova Lima começarão a receber asfalto ainda neste ano. Segundo o prefeito, um acordo com a Águas garantirá a antecipação do esgoto e, consequentemente, do asfalto, neste segundo semestre.

Olarte ressaltou que o asfalto será realizado em quatro etapas, em um total de R$ 67,4 milhões, incluindo esgoto e sinalização viária para todo o bairro. “O dinheiro já está no caixa e a contrapartida está garantida”, assegurou.

O secretário de Obras, Valtemir de Brito, confirmou que a Prefeitura tem dinheiro em caixa para o projeto, que deve ter início neste segundo semestre. Segundo o secretário, a demora ocorre por conta da dificuldade da Águas para dar início ao esgoto, que envolve duas bacias e necessita de um investimento pesado para garantir o asfalto.

A previsão é de que a Prefeitura execute 31,47 quilômetros de drenagem, 74 quilômetros de asfalto e 5,5 quilômetros de recapeamento no bairro que hoje abriga 35 mil habitantes. O recurso foi liberado por meio do Programa de Aceleração do Crescimento, que destinou R$ 311 milhões a Campo Grande para execução de 400 quilômetros de pavimentação e recapeamento.

O cronograma prevê recomposição do asfalto de quatro vias que são eixos de acesso a vários vilas e conjuntos habitacionais existentes na região, como José Tavares, Oscar Salazar (Rua Zulmira Borba), Marques de Herval (conhecida como corredor do Nova Lima), Jerônimo de Albuquerque e Avenida Lino Villacha.

Nas duas primeiras etapas a Prefeitura vai asfaltar o quadrilátero formado pelas ruas Marquês de Herval, Zulmira Borga  e Jerônimo de Albuquerque e Francisco Pereira Coutinho, bem como as ruas Julio Prestes, Botafogo, Avenida Dona Carlota Joaquim; Alfredo Borba; Santo Inácio de Loiola, Guilherme de Almeida, da etapa 1.  Na segunda etapa do projeto haverá pavimentação, drenagem e calçamento nas ruas Alberto da Veiga, Claudio Manoel da Costa, Lourenço Veiga, Jorge Mascarenhas  e Leonardo Nunes e Michimy.

Jornal Midiamax