Política

Golpistas voltam a usar nome de governador para pedir doações

O fato vem acontecendo desde abril

Padrão do site Publicado em 09/10/2015, às 19h21

None
(Foto: Arquivo Midiamax)

O fato vem acontecendo desde abril

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) divulgou nota na página oficial do governo do Estado na tarde desta sexta-feira (9), esclarecendo sobre golpistas que estão usando seu nome por telefone para pedir doações que seriam destinadas a “instituições filantrópicas”. O fato vem acontecendo desde abril e preocupa o governante, que anteriormente publicou em sua página pessoal da rede de relacionamento Facebook, um esclarecimento sobre o caso.

Conforme apontado por Azambuja, pessoas estariam pedindo doações, via telefone, em seu nome e da primeira- dama, Fátima Azambuja, a pretexto de apoio a instituições. “Trata-se da ação de pessoas de má fé, que usam indevidamente o nome de figuras públicas para aplicar golpes, dentro e fora do Estado de Mato Grosso do Sul”, apontou.

Em nota, Azambuja pede para que as pessoas fiquem atentas a esse tipo de golpe e que não passem dados pessoas a desconhecidos. Caso aconteça a instrução é que realize a denúncia, se possível informando o número do celular que realizou a chamada.

Em abril, o governador publicou em sua página pessoal da rede de relacionamento Facebook sobre possíveis golpes com o uso do seu nome. Mas as ocorrências continuaram a aparecer e foi necessário publicar novamente o alerta.

*Com supervisão de Marta Ferreira

Jornal Midiamax