Política

Com problemas de saúde, deputada fica afastada por um mês da ALMS

Deputada passará por tratamento médico

Evelin Cáceres Publicado em 03/11/2015, às 12h58

None
grazielle.jpg

Deputada passará por tratamento médico

Diagnosticada com epilepsia desde o início de outubro deste ano, a deputada estadual Grazielle Machado (PR) pediu afastamento para tratamento de saúde por um mês da Assembleia Legislativa do Estado, segundo publicação do Diário Oficial desta terça-feira (3).

Grazielle ficará afastada do dia 22 de outubro ao dia 22 de novembro, sem perda da remuneração, de acordo com a resolução 72/2015 da Mesa Diretora da Casa, assinada pelos deputados Junior Mochi (PMDB), Zé Teixeira (DEM) e Cabo Almi (PT).

Grazielle é filha do ex-presidente da Assembleia Legislativa, Londres Machado e foi diagnosticada com epilepsia após ter convulsões em março deste ano, quando ela ainda estava grávida do segundo filho.

Mas foi após lançamento do Festival de Bonito, no dia 31 de julho, quando passou mal no palco da solenidade, que a doença foi confirmada. Ela já está em tratamento com medicação.

A parlamentar, que completa 35 anos em dezembro, ressaltou que não se sabe o que desencadeou a doença, que afeta o sistema nervoso. Ela fez questão de dizer que não foi detectado nenhum tumor, que pode estar relacionado a alguns casos da doença.

Jornal Midiamax