Política

Presidente regional do PR diz que espera decisão de Puccinelli para fechar alianças

O PR só deve firmar alianças para as próximas eleições após o governador André Puccinelli (PMDB) definir se sai ou não candidato ao Senado em 2014. A informação é do presidente regional do partido, deputado estadual Londres Machado. Puccinelli tem até o dia 6 de abril para deixar o cargo e sair candidato. “O André […]

Arquivo Publicado em 26/02/2014, às 17h31

None

O PR só deve firmar alianças para as próximas eleições após o governador André Puccinelli (PMDB) definir se sai ou não candidato ao Senado em 2014. A informação é do presidente regional do partido, deputado estadual Londres Machado.

Puccinelli tem até o dia 6 de abril para deixar o cargo e sair candidato. “O André precisa decidir, embora diga que não. Então tenho que esperar. O André é bem avaliado adversativamente, eleitoralmente. Todo candidato a governador gostaria de ter o André para puxar voto”, afirmou Londres.

Segundo o deputado a intenção do PR é indicar um nome ao cargo de vice-governador, ainda não definidos pelos nomes da disputa ao Governo, Delcídio do Amaral pelo PT e Nelsinho Trad pelo PMDB.

“Nós queremos indicar o vice em uma chapa. No partido que o governador estiver aliado nós provavelmente tenhamos a indicação do vice governador. Nós fomos aliados em duas eleição eu vejo que o partido tem tudo para acompanhar o governador”, ressaltou Londres que não revelou o nome do possível vice, apesar do secretário estadual de Obras Edson Giroto (PR) já ter sido especulado.

Jornal Midiamax