Política

Com maioria, aliados de Puccinelli vão lutar por presidência da Câmara

O presidente da Câmara de Campo Grande, Paulo Siufi (PMDB), pretende se reunir com o governador André Puccinelli (PMDB) e com o candidato derrotado do PMDB, deputado federal Edson Giroto, para decidir qual vai ser a posição do grupo político para a eleição da nova Mesa Diretora da Câmara. A reunião terá a participação dos […]

Arquivo Publicado em 29/10/2012, às 12h51

None
1855142594.jpg

O presidente da Câmara de Campo Grande, Paulo Siufi (PMDB), pretende se reunir com o governador André Puccinelli (PMDB) e com o candidato derrotado do PMDB, deputado federal Edson Giroto, para decidir qual vai ser a posição do grupo político para a eleição da nova Mesa Diretora da Câmara.

A reunião terá a participação dos 21 vereadores eleitos pela coligação de Giroto em Campo Grande. Siufi explicou que na reunião o grupo deve verificar quem realmente está com o governador e o que será feito. O presidente da Câmara ressaltou que a presença de Giroto é fundamental, visto que ele liderou os vereadores eleitos.

Siufi entende que grupo deve indicar o novo presidente, mas de maneira transparente e tranquila. Ele não descarta a possibilidade da vice-presidência ser ocupada por algum vereador do grupo do novo prefeito, Alcides Bernal (PP). Ele recorda que quando assumiu a presidência, em 2008, tinha como vice o vereador do PT, Cabo Almi.

“Não tem que ter revanchismo. Os oito que o Bernal elegeu vão somar. Hoje o primeiro secretário meu é o João Rocha (PSDB), que está do lado de lá. A Casa sempre foi ordeira e com um bom relacionamento com prefeitos. A oposição sempre fez crítica construtiva”, opinou.

Dos 29 vereadores eleitos em Campo Grande, 21 chegaram a Câmara por meio da coligação de Giroto. Destes, cinco são do PMDB, três do PTdoB, três do PSD, dois do PR e PSL e um do PTB, DEM, PSB, PDT, PSC e PRB. Bernal e a oposição a atual administração elegeram três vereadores do PT, dois vereadores do PP, dois vereadores do PSDB e um vereador do PPS.

Jornal Midiamax