Polícia / Trânsito

Trabalhador morre ao tentar desviar de coelho e capotar carro na MS-289

Ele não usava cinto de segurança

Renata Portela Publicado em 04/11/2015, às 13h06

None
img-20151104-wa0072.jpg

Ele não usava cinto de segurança

Na noite de terça-feira (3), Marcos Aurélio Alves, de 38 anos, foi vítima de acidente de trânsito na Rodovia MS-289, que liga Juti e Amambai, a aproximadamente 350 quilômetros da Capital. Ele capotou o veículo na estrada de chão, ao tentar desviar de um coelho que estava na pista, e não resistiu aos ferimentos do capotamento.

Segundo o delegado Mikail Farias, titular da Delegacia de Polícia Civil de Amambai, Marcos trabalhava em uma fazenda, nas margens da MS-289. Na noite de terça-feira, ele voltava para Amambai, onde morava, quando avistou um coelho na pista e tentou desviar. O motorista não conseguiu manobrar, atropelou o animal e capotou o veículo.

Após o acidente, o Gol, branco, ficou totalmente danificado e Marcos ficou preso nas ferragens. Ainda de acordo com o delegado, o motorista não usava cinto de segurança no momento do capotamento e o corpo foi parcialmente prensado. Equipes da PRE (Polícia Rodoviária Estadual), Corpo de Bombeiros e Polícia Civil estiveram no local.

O corpo de Marcos foi encaminhado pela equipe funerária para o Imol (Instituto de Medicina e Odontologia Legal) e o caso foi registrado como acidente de trânsito com vítima fatal provocado pela própria vítima.

Jornal Midiamax