Polícia / Trânsito

Motociclista morre na BR-262 ao tentar ultrapassar carreta tritrem

Ele foi socorrido, mas não resistiu

Renata Portela Publicado em 28/10/2015, às 10h51

None
acidente_caminhao-gw_4.jpg

Ele foi socorrido, mas não resistiu

Na tarde de terça-feira (27), Robson Marques da Silva, de 49 anos, morreu após sofrer acidente na Rodovia BR-262, nas proximidades de Três Lagoas, a 338 quilômetros de Campo Grande. Ele pilotava uma motocicleta e teria feito uma ultrapassagem indevida, que resultou na colisão com um caminhão.

De acordo com o boletim de ocorrência, a equipe da PRF (Polícia Rodoviária Federal) foi acionada para ir até o km 44,6 da BR-262, onde havia ocorrido o acidente. No local, verificaram que Robson pilotava a BMW R 1200 GS, verde, placa KWJ-8651 do Rio de Janeiro (RJ), quando sofreu o acidente. De acordo com a PRF, ele teria feito ultrapassagem forçada a uma carreta que transportava eucaliptos e colidiu na lateral de um caminhão.

Segundo declaração do motorista do Ford F4000, placas de Três Lagoas, de 50 anos, ele seguia sentido Três Lagoas/Campo Grande quando viu o caminhão tritrem carregado de eucalipto e notou que a motocicleta tentou fazer a ultrapassagem no sentido contrário da pista. Ele afirma que tentou desviar, mas o motociclista colidiu na carroceria do caminhão. A equipe do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi acionada e constatou que a vítima havia morrido no local.

O motorista da F4000 fez o teste de etilômetro, que constatou 0,00 miligramas de álcool por litro de ar expelido. Ele ainda declarou que o motociclista estava em alta velocidade e, por isso, não teve tempo de desviar. O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) como homicídio culposo, sem intenção, na direção de veículo automotor.

Jornal Midiamax