Polícia / Trânsito

Feriadão começa, mas movimento nas estradas de MS ainda é tranquilo

A polícia espera um movimento maior na segunda-feira

Gerciane Alves Publicado em 30/10/2015, às 14h08

None
img-20151030-wa0024.jpg

A polícia espera um movimento maior na segunda-feira

Mesmo com o ponto facultativo nas repartições públicas do Estado por causa do Dia do Servidor, o movimento nas rodovias federais de Mato Grosso do Sul ainda é bem tranquilo nesta sexta-feira (30), segundo a PRF (Polícia Rodoviária Federal). A polícia espera um movimento maior na segunda-feira (2), que é quando as pessoas voltam para suas casas. 

Equipes da PRF estarão realizando desde a meia-noite de ontem (29) ações de policiamento e fiscalização com o foco no excesso de velocidade, embriaguez ao volante, ultrapassagem proibida e infrações na condução de motocicletas ou ciclomotores. A Operação Finados, como é chamada, pretende garantir aos usuários das rodovias segurança e fluidez do trânsito.

De acordo com o inspetor Kleryson Loureiro, durante a operação as 10 delegacias e os 22 postos da PRF serão reforçados com a equipe de polícia do administrativo, as delegacias funcionarão em jornada dupla. Serão utilizados 8 radares, 60 viaturas, 1 helicóptero e 80 bafômetros na operação.

O inspetor lembra que durante o feriadão o tráfego de caminhões será restrito nas rodovias em alguns horários. A medida é necessária para aumentar a fluidez do trânsito nas rodovias de pista simples. Nos dias e horários de maior movimento, esses veículos não poderão transitar, independentemente de estarem descarregados ou possuírem AET (Autorização Especial de Trânsito).

Kleryson Loureiro faz ainda um alerta para a chuva que pode cair no Estado durante o feriado. “É importante que os motoristas redobrem a atenção, não beba antes de dirigir, tomem cuidado com a chuva, com o excesso de velocidade e com ultrapassagens indevidas”.  Ressalta o inspetor. Ele lembra ainda que a multa para quem for flagrado ultrapassando em local proibido é de R$ 1.915.Quanto aos motociclistas, a orientação é atenção redobrada com a sinalização.

Ano passado durante a operação foram registrados 45 acidentes, sendo 3 com mortes. A Operação Finados termina à meia-noite da próxima segunda-feira (2).

Cuidados na volta para casa

Segundo o inspetor, é na volta para casa que a maioria dos acidente  acontecem, por isso ele orienta que os motoristas antecipem o retorno e redobrem a atenção nos últimos 50 quilômetros antes de entrar em Campo Grande. “É nesse momento que mais acontecem os acidentes porque os motoristas ficam mais relapsos”, explica Kleryson.

Jornal Midiamax