Polícia

Polícia Civil investiga se mesquita foi alvo de atentado a tiros na fronteira

Sheik encontrou marcas de tiros nas paredes

Renata Portela Publicado em 11/01/2022, às 17h27

Equipes estiveram no local
Equipes estiveram no local - (Divulgação)

Nesta terça-feira (11), foi denunciado à Polícia Civil em Ponta Porã, a 346 quilômetros de Campo Grande, possível atentado a tiros em uma mesquita islâmica, no Bairro Santa Isabel. O sheik retornou de viagem e encontrou marcas de tiros e projéteis no local.

Segundo relato do sheik, ele não estava no local nos dias do atentado, que segundo membros da mesquita teria ocorrido entre os dois primeiros dias do ano. As marcas de tiro foram identificadas nas paredes, na grade de ferro e perto da porta principal.

Ele entrou em contato com o secretário municipal de Segurança Pública Marcelino Nunes de Oliveira, que acionou a Polícia Civil. Equipes da Delegacia Regional, além do SIG (Setor de Investigações Gerais) foram ao local. Conforme o delegado Clemir Vieira, será necessário trabalho de perícia técnica e análise das imagens das câmeras de segurança do local.

O caso é investigado, para apurar se houve uma tentativa de atentado.

Jornal Midiamax