Polícia

Membro do PCC estaria por trás de plano de fuga em presídio onde foram achadas armas e bebidas artesanais

Foi descoberta pelas autoridades paraguaias que um membro do PCC (Primeiro Comando da Capital) estaria por trás de um plano de fuga em massa do presídio de Pedro Juan Caballero, município localizado na linha internacional com Ponta Porã, a 346 quilômetros de Campo Grande. Ele foi transferido após a descoberta. Um pente-fino foi feito na penitenciária […]

Thatiana Melo Publicado em 03/03/2021, às 07h23

(Foto: ABC Color)
(Foto: ABC Color) - (Foto: ABC Color)

Foi descoberta pelas autoridades paraguaias que um membro do PCC (Primeiro Comando da Capital) estaria por trás de um plano de fuga em massa do presídio de Pedro Juan Caballero, município localizado na linha internacional com Ponta Porã, a 346 quilômetros de Campo Grande. Ele foi transferido após a descoberta.

Um pente-fino foi feito na penitenciária nesta terça-feira (2) para tentar localizar um possível túnel, que daria fuga aos detentos, mas nada foi encontrado. Os policiais acharam nas celas várias armas artesanais como algumas machetes e florestes, que segundo informações passadas ao site ABC Color seria da facção Clã Rotela, que é inimiga do PCC.

Também foram encontradas bebidas artesanais, celulares e pés de maconha nas celas. Todo o material foi apreendido. Já o nome do membro do PCC que estaria por trás do plano de fuga não teve o nome divulgado pelas autoridades paraguaias.

Em janeiro de 2020, uma fuga em massa aconteceu da penitenciária sendo que a maioria dos fugitivos eram membros da facção criminosa PCC.

Jornal Midiamax