Polícia

Em uma semana, 62 pessoas foram presas desrespeitando toque de recolher na região do Bolsão

Entre os dias 22 e 28 de março, 62 pessoas foram presas desrespeitando as medidas sanitárias de urgência para conter a pandemia do coronavírus, e o toque de recolher na região do Bolsão. A terceira fase da Operação Estado Prevenido foi deflagrada pelo 2º Batalhão da Polícia Militar. Os 62 presos estavam nas cidades de […]

Danielle Errobidarte Publicado em 29/03/2021, às 13h46

Entre os locais fiscalizados com aglomeração estava 2 residências e 44 comércios. (Foto: Divulgação/ 2º BPM)
Entre os locais fiscalizados com aglomeração estava 2 residências e 44 comércios. (Foto: Divulgação/ 2º BPM) - Entre os locais fiscalizados com aglomeração estava 2 residências e 44 comércios. (Foto: Divulgação/ 2º BPM)

Entre os dias 22 e 28 de março, 62 pessoas foram presas desrespeitando as medidas sanitárias de urgência para conter a pandemia do coronavírus, e o toque de recolher na região do Bolsão. A terceira fase da Operação Estado Prevenido foi deflagrada pelo 2º Batalhão da Polícia Militar.

Os 62 presos estavam nas cidades de Água Clara, Brasilândia, Três Lagoas e Selvíria, além dos distritos de Arapuá e Garcias. Além delas, 46 locais foram autuados por aglomeração, sendo 44 estabelecimentos comerciais e duas residências.

Três veículos foram abordados circulando pelas ruas fora do horário permitido e o total de pessoas orientadas e abordadas chegou a 132.

Três Lagoas é o quarto município com maior número de casos de Covid-19 confirmados no Mato Grosso do Sul, segundo boletim epidemiológico divulgado nesta segunda-feira (29), com 9.324 casos.

Jornal Midiamax

☰ Últimas Notícias