Polícia

Em 2008, suspeito por duplo homicídio em Antônio João rendeu motorista de ônibus escolar com 15 crianças

Caso foi registrado em denúncia feita pelo condutor do veículo na delegacia de Antônio João

Marcos Morandi Publicado em 10/06/2021, às 09h05

Jorcy Marques Ortiz tem outros registros criminais em Antônio João e Bela Vista
Jorcy Marques Ortiz tem outros registros criminais em Antônio João e Bela Vista - Reprodução/Facebook

Jorcy Marques Ortiz, 52, acusado pelos assassinatos de Rosenilda Rodrigues Maciel de 54 anos e a filha dela, Andréia Rodrigues Maciel de 34 anos,  em Antônio João, distante 279 quilômetros de Campo Grande se entregou à polícia na segunda-feira (07) coleciona outros registros criminais em sua ficha.

Além do duplo homicídio, Jorcy, que está preso em Ponta Porã, é acusado de render um motorista de um ônibus escolar que transportava 15 alunos de 6 a 15 anos de idade. O caso foi registrado em 26 de agosto de 2008.

Na época ele parou o veículo e com uma arma apontada para o motorista, exigiu que a vítima lhe entregasse a CNH (Carteira Nacional de Habilitação), alegando que o condutor estaria embriagado.

Em outro boletim registrado em Bela Vista no dia 11 de novembro de 2009 Jorci também é apontado como suspeito pela morte de dois irmãos. Entretanto, no boletim não registro dos nomes das vítimas.

Mãe filha

Em mensagem de áudio enviada para o grupo da família dele, Jorcy confessou que matou Rosenilda Rodrigues Maciel de 54 anos e a filha dela Andréia Rodrigues Maciel de 34 anos. O crime aconteceu na última sexta-feira (04) na Rua Pantaleão Coelho Xavier na Vila Penzo em Antônio João.

Jornal Midiamax