Polícia

Brasileiro preso na fronteira com 801 quilos de maconha é condenado a 7 anos

Adjalma Soares de Souza, vulgo “Preto”, está preso em Pedro Juan Caballero desde 2017, depois de trocar tiros com a polícia paraguaia

Marcos Morandi Publicado em 24/07/2021, às 08h11

Julgamento aconteceu nesta sexta-feira em Pedro Juan Caballero
Julgamento aconteceu nesta sexta-feira em Pedro Juan Caballero - Divulgação

Um brasileiro identificado como Adjalma Soares de Souza, vulgo “Preto”, foi condenado, nesta sexta-feira (23), a 7 anos de prisão, após ter sido considerado culpado por tráfico de drogas. Ele foi preso em agosto de 2017, no bairro de Cerro Corá í, em Pedro Juan Caballero, na fronteira com Ponta Porã.

Segundo as autoridades paraguaias, além de ser flagrado com quase uma tonelada de maconha, o brasileiro trocou tiros com policiais após uma perseguição. Durante a fuga, pelas ruas de Pedro Juan, um dos pneus estourou e ele acabou preso.

Jornal Midiamax