Polícia

Após 10 dias, Bombeiros encerram buscas por idoso desaparecido no Pantanal

Foram usados helicóptero, aeronave e cães farejadores

Danielle Errobidarte Publicado em 19/10/2021, às 17h35

Última pessoa avistou a vítima nesse local, onde as buscas foram concentradas.
Última pessoa avistou a vítima nesse local, onde as buscas foram concentradas. - (Foto: Reprodução/ Diário Corumbaense)

O Corpo de Bombeiros encerrou nesta terça-feira (19) as buscas por José Pedro Dias dos Santos, de 64 anos, desaparecido em Corumbá, cidade a 429 quilômetros da Capital, desde o dia oito. A procura pelo idoso foi feita com ajuda de cães farejadores, aeronave, e até à cavalo, pelos próprios moradores.

Conforme apurado pelo Diário Corumbaense, sete militares fizeram buscas por terra e mais dois nas aeronaves. Moradores da região do Cedro, onde José sumiu, também colaboraram. "Usamos todos os meios que pudessem levar ao paradeiro dele, inclusive um helicóptero da Marinha", lamentou o subtenente Clodoaldo Gomes, do 3º GBM (Grupamento de Bombeiros).

"Também utilizamos drone, sirenes foram ligadas pela área, mas não encontramos nenhuma pista", finalizou o subtenente.

Desaparecido

Conhecido como "Zé do Poço", José Pedro desapareceu no Morro do Ferro, no último dia 8, na área rural de Corumbá. O genro do idoso havia afirmando que uma pessoa para quem o sogro fez um poço, teria dito à família que Zé saiu para buscar o número de uma conta para depósito do pagamento pelo serviço e não foi mais visto.

"Ele trabalha nessa área há mais de seis anos e conhece bem o lugar", informou o genro, que mora em Dourados. A família fez boletim de ocorrência do desaparecimento.

Jornal Midiamax