Polícia

Acusado de matar rapaz de 26 anos a tiros durante comício na fronteira é preso no Paraguai

Ele foi encaminhado para a delegacia em MS

Renata Portela Publicado em 01/10/2021, às 16h12

Crime aconteceu durante comício
Crime aconteceu durante comício - (Foto: Ponta Porã News)

Foi preso em flagrante na tarde desta sexta-feira (1º) o homem de 29 anos, acusado do homicídio de Wislher de Freitas Tavares, de 26 anos. O homicídio ocorreu durante um comício em Paranhos, a 477 quilômetros de Campo Grande, na região de fronteira com o Paraguai.

Conforme apurado pelo Midiamax, equipes policiais seguiram em buscas pelo autor do crime, que foi localizado por volta das 14 horas no Paraguai, na região de Sete Quedas. Equipe da Polícia Nacional do Paraguai fez a prisão, nas proximidades da linha internacional e foi feita a condução do preso até Paranhos.

Ele deve ser interrogado e responderá pelo homicídio simples.

Morte no comício

Wislher participava do comício, quando começou a discutir com o autor do crime. O suspeito estava armado e fez sete disparos contra a vítima, no cruzamento das avenidas Marechal Dutra e Ayrton Senna, na frente da praça central.

Com os disparos, a vítima morreu no local, que estava cheio de pessoas que participavam do comício.

Jornal Midiamax