Polícia

Paranaense é multado por pescar ilegalmente em MS

Um paranaense, de 41 anos, foi flagrado pela PMA (Polícia Militar Ambiental) pescando ilegalmente, no rio Miranda, em Guia Lopes da Laguna, a 236 km de Campo Grande. Segundo a PMA, o infrator, residente em Marechal Cândido Rondon (PR), praticava a pesca sem licença ambiental. O homem iniciava a pescaria e ainda não havia capturado […]

Fábio Oruê Publicado em 12/10/2020, às 18h25

Fiscalização retirou equipamentos ilegais do rio Miranda (Foto: PMA)
Fiscalização retirou equipamentos ilegais do rio Miranda (Foto: PMA) - Fiscalização retirou equipamentos ilegais do rio Miranda (Foto: PMA)

Um paranaense, de 41 anos, foi flagrado pela PMA (Polícia Militar Ambiental) pescando ilegalmente, no rio Miranda, em Guia Lopes da Laguna, a 236 km de Campo Grande.

Segundo a PMA, o infrator, residente em Marechal Cândido Rondon (PR), praticava a pesca sem licença ambiental. O homem iniciava a pescaria e ainda não havia capturado nenhum pescado. Com ele, foi apreendido um molinete com vara utilizado na pescaria ilegal.

Os policias efetuaram auto de infração administrativo e aplicaram multa no valor de R$ 300. A pesca sem licença não é crime ambiental, mas trata-se somente de infração administrativa. Ao pagar a multa, o infrator poderá ter seu material restituído.

Outra equipe da PMA de Jardim fiscalizou no rio Nioaque – em que a pesca é proibida -, e retirou duas cordas de espinheis, medindo 40 metros com 15 anzóis cada uma e 17 anzóis de galho que estavam armados no rio. Não foi possível identificar os autores.

Jornal Midiamax