Polícia

Ferida a tiros pelo ex-marido após ver a mãe ser assassinada continua na Santa Casa

Deu entrada na Santa Casa de Campo Grande na madruga desta terça-feira (12) a mulher de 28 anos, vítima de tentativa de feminicídio em Costa Rica, cidade que fica a 384 quilômetros. O ex-marido entrou na casa da mulher na noite de segunda-feira (11), matou a mãe da vítima de 46 anos, a feriu com […]

Renata Portela Publicado em 12/05/2020, às 09h47 - Atualizado em 09/07/2020, às 00h15

Santa Casa de Campo Grande. (Arquivo Midiamax)
Santa Casa de Campo Grande. (Arquivo Midiamax) - Santa Casa de Campo Grande. (Arquivo Midiamax)

Deu entrada na Santa Casa de Campo Grande na madruga desta terça-feira (12) a mulher de 28 anos, vítima de tentativa de feminicídio em Costa Rica, cidade que fica a 384 quilômetros. O ex-marido entrou na casa da mulher na noite de segunda-feira (11), matou a mãe da vítima de 46 anos, a feriu com tiros também na tentativa de matá-la e depois cometeu suicídio.

Conforme a assessoria do hospital, a vítima deu entrada por volta das 3h30 com duas perfurações por disparo de arma de fogo. Ela continua na área vermelha do pronto-socorro e está consciente, orientada e estável. A mulher passou por avaliação ortopédica e foi programada cirurgia por conta de uma fratura no fêmur causada pelos tiros.

Ainda será feita uma avaliação por conta do outro ferimento na região do abdômen.

Tentativa de feminicídio

O crime aconteceu na cidade de Costa Rica, que fica na região norte do Estado. O ex-marido da vítima, um empresário de 36 anos, chegou na casa perguntando ao ex-sogro se a família estava no local. O homem disse que sim, mas não imaginava o que aconteceria.

O autor do crime entrou na residência já atirando com a pistola, atingindo a ex-sogra, a ex-mulher e depois atirando na própria cabeça. Foi o filho de 11 anos que correu até o quartel da Polícia Militar nas proximidades para pedir ajuda depois de presenciar o crime ao lado de um irmão e outra criança que estava na residência.

Polícia Civil, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Perícia foram até o local e constataram o óbito da mulher de 46 anos e do autor do crime. Com os ferimentos, a ex-mulher foi levada ao hospital local e depois transferida para Campo Grande.

O caso foi registrado na delegacia do município e está em investigação.

Jornal Midiamax