Polícia

Investigada por tráfico, candidata a vereadora é alvo de busca e apreensão em MS

A Polícia Civil de Costa Rica, município a 384 quilômetros de Campo Grande, deflagrou nesta quarta-feira (04) a Operação Nimbus, para desarticular esquema de tráfico de drogas. Um dos alvos é uma mulher candidata a vereadora pelo PT (Partido dos Trabalhadores), que é investigada e foi alvo de busca e apreensão. Conforme nota, a ação […]

Renan Nucci Publicado em 04/11/2020, às 17h55 - Atualizado em 05/11/2020, às 08h22

Dinheiro e droga apreendidos na ação policial. Foto: Divulgação
Dinheiro e droga apreendidos na ação policial. Foto: Divulgação - Dinheiro e droga apreendidos na ação policial. Foto: Divulgação

A Polícia Civil de Costa Rica, município a 384 quilômetros de Campo Grande, deflagrou nesta quarta-feira (04) a Operação Nimbus, para desarticular esquema de tráfico de drogas. Um dos alvos é uma mulher candidata a vereadora pelo PT (Partido dos Trabalhadores), que é investigada e foi alvo de busca e apreensão.

Conforme nota, a ação contou com apoio das polícias de Chapadão do Sul e Paraíso das Águas, para cumprimento de seis mandados de busca e quatro de prisão preventiva por tráfico e associação para o tráfico. As investigações, que duraram aproximadamente três meses, revelaram que irmãos, com apoio de comparsas, adquiriam e despachavam remessas de maconha, crack e cocaína à cidade de Costa Rica.

O entorpecente era distribuído por intermédio de adolescentes, os quais ficavam responsáveis pela guarda e venda da droga, apenas repassando os valores obtidos com a comercialização aos irmãos investigados. No decorrer da apuração, um dos suspeitos foi preso,  mas mesmo assim ainda participava dos negócios da família.

“Na mesma operação uma candidata a vereadora pelo Partido dos Trabalhadores é investigada e foi alvo de busca e apreensão. Durante a ação foram cumpridos seis mandados de busca e apreensão e apreendidos aproximadamente 1,2 quilo de maconha, 200 gramas de crack, uma arma de fogo calibre 38, cerca de R$2.500,00, balança de precisão e diversos aparelhos celulares, além do cumprimento de quatro mandados de prisão preventiva e a apreensão em flagrante de um adolescente de 16 anos”, disse a polícia em nota.

Jornal Midiamax