Polícia

Indígena acusada de matar marido se apresenta à polícia de Dourados

Uma indígena de 29 anos, se apresentou na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) de Dourados. Ela é acusada de matar o marido Jhon Lenon Reginaldo Fernandes, 29, com uma facada na altura do peito. O crime aconteceu na Aldeia Jaguapiru na última segunda-feira. Acompanhada por um advogado, a acusada presta depoimentos no SIG (Setor […]

Marcos Morandi Publicado em 28/10/2020, às 10h11 - Atualizado às 10h21

Depoimento acontece na Depac de Dourados para agentes do SIG. (Foto: Reprodução/Adilson Domingos)
Depoimento acontece na Depac de Dourados para agentes do SIG. (Foto: Reprodução/Adilson Domingos) - Depoimento acontece na Depac de Dourados para agentes do SIG. (Foto: Reprodução/Adilson Domingos)

Uma indígena de 29 anos, se apresentou na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) de Dourados. Ela é acusada de matar o marido Jhon Lenon Reginaldo Fernandes, 29, com uma facada na altura do peito. O crime aconteceu na Aldeia Jaguapiru na última segunda-feira.

Acompanhada por um advogado, a acusada presta depoimentos no SIG (Setor de Investigação Geral) na manhã desta quarta-feira (28). Ela estava foragida depois de ter sido acusada pelo crime após uma discussão com o marido.

Durante a ocorrência a equipe do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi acionada, porém, ao chegar no local constatou que a vítima estava morta. Jhon Lenon morreu sentado em uma cadeira do lado de fora da residência.

Jornal Midiamax