Polícia

Fiscalização prende dois e interdita comércios durante toque de recolher

Fiscalização na noite deste sábado (08) teve duas pessoas presas e dois estabelecimentos comerciais interditados em Campo Grande. A ação, nomeada Operação Toque de Recolher, teve participação da Polícia Militar, Guarda Civil Metropolitana, Agetran (Agência Municipal de Trânsito), Semadur (Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano) e Vigilância sanitária. O o...

Renan Nucci Publicado em 09/08/2020, às 09h57

Fiscais durante ação realizada na noite de sábado. Foto: Divulgação
Fiscais durante ação realizada na noite de sábado. Foto: Divulgação - Fiscais durante ação realizada na noite de sábado. Foto: Divulgação

Fiscalização na noite deste sábado (08) teve duas pessoas presas e dois estabelecimentos comerciais interditados em Campo Grande. A ação, nomeada Operação Toque de Recolher, teve participação da Polícia Militar, Guarda Civil Metropolitana, Agetran (Agência Municipal de Trânsito), Semadur (Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano) e Vigilância sanitária.

O objetivo é garantir cumprimento de decretos de prevenção ao coronavírus (Coronavírus). Segundo a Guarda, em toda a cidade, 33 estabelecimentos foram orientados a fechar as portas por conta do horário. Além disso, 302 pessoas foram orientadas a voltar para a casa e duas foram presas. Os guardas fizeram ainda atendimento em nove residências onde havia reclamação de aglomeração.

A Vigilância Sanitária e a Semadur, por sua vez, visitaram 66 estabelecimentos e orientaram os comerciantes. Dois comércios foram autuados e dois interditados por irregularidades. Durante o período da noite, as equipes da central de ligação receberam 382 denúncias de quebra de quarentena, por meio do telefone 153. Não foram divulgados detalhes das infrações cometidas pelos estabelecimentos interditados.

Jornal Midiamax