Polícia

Com medo de outros presos, detento assume posse de droga em cela por causa de dívida

Homem de 25 anos, interno da Penitenciária de Segurança Máxima Jair Ferreira de Carvalho, em Campo Grande, foi autuado depois de assumir a posse de drogas encontradas na cela. Ele disse que foi coagido pelos companheiros de cela e, temendo por sua segurança, disse ser o dono do material. Por este motivo, responde por auto-acusação […]

Renan Nucci Publicado em 28/07/2020, às 17h38

 (Arquivo)
(Arquivo) - (Arquivo)

Homem de 25 anos, interno da Penitenciária de Segurança Máxima Jair Ferreira de Carvalho, em Campo Grande, foi autuado depois de assumir a posse de drogas encontradas na cela. Ele disse que foi coagido pelos companheiros de cela e, temendo por sua segurança, disse ser o dono do material. Por este motivo, responde por auto-acusação falsa e tráfico de drogas.

Conforme boletim de ocorrência, durante vistoria, agentes penitenciários encontraram na cela 23, ocupada por 19 presos, um buraco com 93 porções de maconha e 72 porções de cocaína. O preso assumiu a propriedade do material e foi encaminhado à Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do centro, mas lá, mudou a versão e alegou ter sido coagido.

Ele afirma que teve que assumir após ser pressionado pelos demais por conta de uma dívida de drogas.

Jornal Midiamax