Polícia

Bandidos fazem duas mulheres reféns e homem reage ao ver arma de pressão em MS

No fim da tarde de sábado (5), família foi feita refém e uma pessoa sequestrada durante tentativa de roubo a uma fazenda em Caarapó, cidade a 273 quilômetros de Campo Grande. Um homem reagiu ao assalto e conseguiu deter um dos bandidos, já o outro foi preso após fugir do local no carro das vítimas. […]

Renata Portela Publicado em 07/12/2020, às 06h54 - Atualizado às 11h25

Arma de brinquedo (Imagem ilustrativa)
Arma de brinquedo (Imagem ilustrativa) - Arma de brinquedo (Imagem ilustrativa)

No fim da tarde de sábado (5), família foi feita refém e uma pessoa sequestrada durante tentativa de roubo a uma fazenda em Caarapó, cidade a 273 quilômetros de Campo Grande. Um homem reagiu ao assalto e conseguiu deter um dos bandidos, já o outro foi preso após fugir do local no carro das vítimas.

Segundo o registro, pai e filho de 36 e 62 anos saíam da fazenda em direção à cidade, quando o idoso percebeu três pessoas indo em direção à propriedade pela lavoura. Então, eles retornaram e ao chegarem na sede encontraram os autores de 23 e 49 anos rendendo as duas mulheres que estavam lá.

Os dois homens também foram feitos reféns e os bandidos passaram a fazer ameaças, um com uma pistola na mão e outro com uma faca. Em determinado momento, a vítima de 36 anos percebeu que a pistola era, na verdade, uma arma de pressão, quando decidiu reagir. Com isso, o rapaz de 23 anos acabou detido.

Já o comparsa conseguiu fugir com um dos carros da família, mas depois também foi localizado e preso. Com a chegada da polícia, o rapaz de 23 anos foi identificado como evadido do sistema prisional. Ele ainda contou que ele e o comparsa sequestraram um homem de 38 anos nas proximidades da fazenda e foram com ele até o local, por acharem que diminuiriam as suspeitas.

O caso é tratado como roubo, roubo majorado pelo emprego de arma e sequestro e cárcere privado.

Jornal Midiamax